Diabetes tipo 1 Diabetes tipo 2 Estilo de Vida EXERCÍCIO Medicina Alternativa SAÚDE

YOGA PARA DIABETES

duabeticos pratica de yoga
Escrito por Michele Giannone

O Diabetes afeta mais de 372 milhões de pessoas em todo o mundo, com uma associação importante ao excesso de peso, fadiga e fraqueza, e quando não tratada pode levar a danos visuais, neurológicos e cardiovasculares irreversíveis. Embora não haja cura para o diabetes, muitas pessoas que vivem com a doença têm encontrado alívio praticando uma rotina de exercícios. Uma dessas atividades é o Yoga, que está rapidamente ganhando popularidade em todo o mundo.

Yoga baseia-se em conectar a mente e o corpo através da respiração e do movimento, o que pode aumentar a circulação, especialmente nas extremidades. É um dos poucos exercícios que envolvem o corpo inteiro em movimento junto com a respiração, fazendo com que ocorra a circulação do sangue em partes do corpo que poderiam não ser utilizadas em nossa rotina.

De acordo com Mary Connor, uma instrutora de yoga de Miami, que é especializada em reabilitação de pessoas que estão se recuperando de lesões e doenças crônicas como diabetes, o yoga pode ajudar em qualquer fase. “Eu trabalhei com pessoas que ficaram cegas ou perderam a sensibilidade em suas mãos e pés por conta do diabetes tipo 2. Nos preocupamos em  modificar as posturas até que eles fossem capazes de fazê-las de forma independente e confortável até o final”, disse Connor. “Através do yoga, aquele sentimento de impotência se vai.”

Além dos exercícios de respiração que o yoga oferece, o segmento de meditação incluído na maioria das aulas tem o propósito de estimular o bom funcionamento das glândulas endócrinas através do relaxamento do sistema nervoso.

Os benefícios não param por aí. Mediante a integração da mente com o corpo, o yoga também pode ajudar os pacientes nos níveis mais fundamentais da vida diária, aliviando a tensão e o stress diário, que muitas vezes estão no centro dos sintomas do diabetes.

Como sempre dizemos: Seja ativo (a) = Seja saudável.

comments

Sobre o autor

Michele Giannone

3 Comentários

Adiciona um comentário