Diabetes tipo 1 Diabetes tipo 2 Estilo de Vida Outras Enfermidades SAÚDE

SÍNDROME DAS PERNAS INQUIETAS E DIABETES

pernas-inquietas
DiabeTV Brasil
Escrito por DiabeTV Brasil

A Síndrome das pernas inquietas (SPI) é uma condição médica que acredita-se afetar cerca de 10% da população de países desenvolvidos. Entre estes afetados, acredita-se que em torno de 2-3% das pessoas apresentam formas graves desta síndrome, reduzindo significativamente a qualidade de vida de qualquer indivíduo. Embora os pesquisadores não estejam inteiramente certos sobre as suas causas, já foi percebido que indivíduos com determinadas doenças crônicas como o diabetes estão mais propensos a desenvolver esta condição. Ainda que a síndrome das pernas inquietas não seja perigosa, ela pode afetar a qualidade do sono, o bem estar mental e como decorrência, outros problemas de saúde ainda mais graves.

Esta condição é caracterizada por sensações desagradáveis e incontroláveis que ocorrem na perna de um indivíduo, enquanto está em repouso. Normalmente, este desconforto é aliviado quando a pessoa se move e tende a piorar durante a noite. Esta condição é especialmente problemática porque impede que o paciente tenha qualidade de descanso, uma vez que o indivíduo precisa mudar constantemente a posição de suas pernas ao tentar relaxar. Em muitos casos, a síndrome das pernas inquietas parece desaparecer durante a manhã, sendo um momento adequado para que o indivíduo tenha um bom descanso. Esta condição pode afetar ambos os sexos, mas parece ter uma ocorrência mais elevada nas mulheres.

Como mencionado anteriormente, pesquisadores não estão inteiramente certos sobre a sua causa ou por que certos indivíduos estão mais predispostos a ter, mas alguns especulam que a neuropatia e doenças hepáticas podem desempenhar um papel importante em seu desenvolvimento. Sabendo que estes dois problemas de saúde são altamente prevalentes em pessoas com diabetes, não é nenhuma surpresa que indivíduos com esta doença crônica estejam mais propensos a desenvolver a síndrome das pernas inquietas. No entanto, a boa notícia é que tratar esses problemas subjacentes muitas vezes pode aliviar ou eliminar sintomas causados por esta síndrome.

O único sinal da síndrome das pernas inquietas são as sensações desconfortáveis acompanhados por esta condição. Isto é especialmente verdadeiro quando os episódios desagradáveis parecem tornar-se pior à noite, diminuindo na parte da manhã ou durante o movimento. Para combater a síndrome das pernas inquietas, nós recomendamos atividade física regular, acompanhado de uma dieta rica em alimentos antiinflamatórios (frutas e legumes) e especiarias (como o açafrão). Consulte o seu médico em caso de dúvidas, pois alguns medicamentos podem desenvolver esta condição.

comments

Sobre o autor

DiabeTV Brasil

DiabeTV Brasil