Conceitos Básicos Controle do Peso Controle do Peso Diabetes tipo 1 Diabetes tipo 2 Minerais NUTRIÇÃO SAÚDE Tratamentos

DIABETES: POR QUE O CROMO É IMPORTANTE?

beneficios do cromo para a saude

Micronutrientes, o nome pelo qual os minerais e vitaminas são cientificamente conhecidos, são muito importantes para a função de qualquer corpo saudável e sua deficiência pode levar a quadros agudos ou crônicos que poderiam ter sido evitados com suprimentos adequados. Tal como esperado, no caso de algumas doenças, estes minerais e vitaminas são muito mais importantes porque a sua presença poderia impedir o aparecimento de determinados sintomas e complicações, bem como ter uma maior eficácia em qualquer tratamento.

Para o diabetes, o Cromo é particularmente importante, e a razão está no seu papel na produção de uma substância conhecida como Fator de tolerância à glicose (GTF), que é necessária para garantir a ação da insulina na metabolização da glicose. No caso do diabetes, quando os níveis de açúcar no sangue estão elevados de forma anormal, existe uma perda rápida de Cromo através da urina e das fezes e isto acentua a sua deficiência.

O Cromo também oferece benefícios para aqueles que sofrem de problemas de metabolismo do colesterol e durante a década de 80 o seu uso se tornou popular como um facilitador no processo de perda de peso quando se utilizava altas doses de 1.000 microgramas por dia. Essas doses demonstraram sua capacidade em controlar o apetite e acelerar a utilização de gordura em indivíduos que estejam se exercitando e seguindo uma dieta para perder peso.

Sem dúvida, a melhor maneira de se obter nutrientes é através dos alimentos, mas se estivermos lidando com um caso onde a absorção está afetada, temos que recorrer a suplementos e complementos de vitaminas e/ou minerais.

O Cromo é encontrado naturalmente em pequenas quantidades nos seguintes alimentos: aves e carne bovina, em cereais e grãos integrais como aveia, quinoa, arroz integral, levedura de cerveja, chá, feijão, cogumelos, brócolis e vinho tinto. Também está disponível na sua forma sintética e assegura uma melhor absorção sob a forma de picolinato de cromo. A dose recomendada é de 120 a 200 microgramas por dia e a sua absorção é melhorada quando consumido juntamente com as vitaminas C e B3. No entanto, em estudos científicos realizados em vários grupos de pacientes com diabetes tipo 2, os resultados são melhores quando o picolinato de cromo é utilizado em altas doses de 1.000 microgramas.

É importante destacar que os carboidratos refinados e açúcares retardam ou reduzem a absorção do Cromo, e, portanto, é essencial evitar esses alimentos, não só porque não são saudáveis, mas também porque nos fazem ganhar peso e diminuem os níveis de cromo no organismo.

comments

Sobre o autor

Dra. Montserrat Rodríguez

Dra. Montserrat Rodríguez

3 Comentários

Adiciona um comentário