Condimentos NUTRIÇÃO SAÚDE

CONSUMO DE CAFÉ E DIABETES

diabeticos podem tomar cafe
DiabeTV Brasil
Escrito por DiabeTV Brasil

O café é uma bebida extremamente popular, consumida diariamente por milhões de pessoas em todo o mundo. Diz-se ter originado na província etíope de Kaffa, onde os escravos muitas vezes consumiam as sementes da árvore, enquanto trabalhavam. Eventualmente através do comércio, o café fez o seu caminho para o Iêmen e Arábia e rapidamente se tornou uma bebida cobiçada. Sua popularidade incitou empresários desses países para abrir casas de café, que foram inicialmente tolerados pelos regimes locais. No entanto, estes novos locais logo se tornaram centros de atividade política e de oposição, resultando em sua eventual proibição pelas autoridades locais.

Atualmente, casas de café são bastante comuns, mas a bebida permanece controversa de alguma maneira. Pesquisadores discutem amplamente os efeitos do café, e é comum que vários estudos cheguem a conclusões contraditórias em relação aos seus benefícios. Ainda assim, há poucas coisas que sabemos sobre o café, sendo uma delas, a sua relação com o diabetes tipo 2.

Pesquisas sobre o café chegaram a conclusões paradoxais quando se verifica seus efeitos sobre os indivíduos diabéticos ou pré-diabéticos. O Café parece, pelo menos em períodos de curto prazo, reduzir a sensibilidade à insulina e aumentar os níveis de glicose no sangue. No entanto, quando se bebe frequentemente, durante um longo período de tempo, em vez disso, o café produz um aumento da sensibilidade à insulina. Em particular, o café é conhecido por conter moléculas chamadas polifenóis, que ajudam a prevenir o diabetes de tipo 2 e tem propriedades anticancerígenas.

É importante notar que, mesmo que os efeitos do café fossem bem conhecidos, para obter seus benefícios, a pessoa teria que beber grandes quantidades diariamente. Dependendo do estudo, quantidades diferentes são sugeridas, com alguns afirmando que 3 xícaras por dia são suficientes, enquanto outros recomendam de 6 a 8. Em qualquer caso, parece existir uma correlação forte entre a frequência de beber café e a redução do risco de diabetes tipo 2. Mas, com os efeitos desta bebida ainda desconhecidos, e com o seu consumo associado ao aumento nos níveis de glicose, é, talvez, aconselhável que as pessoas com diabetes procurem bebidas alternativas. Chá por exemplo (em particular: verde, preto e oolong) é uma bebida mais minuciosamente estudada, que também reduz o desenvolvimento de diabetes tipo II e ainda têm vários outros benefícios para a saúde. O chá também difere do café na medida em que, aparentemente, não tem efeitos negativos possíveis sobre as pessoas com diabetes.

comments

Sobre o autor

DiabeTV Brasil

DiabeTV Brasil

1 comentário

Adiciona um comentário